O tempo de Andrade

Cortar o tempo

Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,

A que se deu o nome de ano,  foi um individuo genial.

Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos.  Aí entra o milagre da renovação,  e tudo começa outra vez, com outro número e outra vontade. De acreditar que daqui para diante vai ser diferente…

Carlos Drummond de Andrade

O meu Natal

Quando pequena ansiava pela vinda do Papai Noel, quando descobri que aquele velhinho barrigudo que todo o ano enchia a cama da minha avó de presentes, era na verdade o meu tio, fiquei desapontada, senti-me enganada. Mas ainda assim, gostava do ambiente do natal…do corre corre para nos unirmos em torno da mesa, do Peru enfeitado, a árvore toda colorida bem antiga, os primos todos juntos,  os adultos conversando coisas sérias num canto da sala.

Ficava admirada quando via meu pai e meus tios sempre tão sérios chorando ao rezar o Pai Nosso de mãos dadas, o mesmo Pai Nosso que aprendi com a minha mãe e continuo rezando todos os dias.

Ainda hoje me emociono com esta oração, me emociono com o natal, com o ar mágico que paira no coração das pessoas. São Paulo, nos últimos dias acolhe seus moradores com sol lindo, vias tranquilas, sem trânsito e buzina, de fato um milagre de natal, a cidade tornou-se um lar para os paulistanos e claro, para todos aqueles que chegam.

Agora, quando ligo a TV, volto a decepcionar-me. Onde eles colocaram o natal, onde foi parar aquele menino que comemora seu aniversário? A agenda setting é cruel, todo ano a mesma pauta: 25 de março lotada, shoppings lotados, padarias, mercados etc etc. E os comerciais, cartão de crédito, perfumaria, telefonia, carros, viagens, incutindo em nossas mentes que o natal só acontece, se comprarmos, comprarmos e comprarmos…

Mas eu não caio nessa, quero brindar o aniversário de Jesus Cristo, quero me encher de esperança, de amor. Quero abraçar aqueles que amo, enviar uma mensagem, dizer obrigada! Quero estar de mãos dadas em torno da mesa, emocionar-me com o Pai Nosso, saborear e sentir a magia do verdadeiro Natal, momento em que as pessoas relembram a história do menino Jesus e abrem seus corações para viver o perdão, a gratidão, para amar.

Oxalá todos os dias de 2010, sejam dias de Natal, dias de verdadeiro Natal.

Futebol é coisa de mulher, sim senhor!

site Máquina do esporte | Marta, a melhor do mundo nas quatro linhas

A atacante brasileira Marta foi escolhida nesta segunda-feira a melhor jogadora do mundo pela Fifa pela quarta vez seguida, após conquistar o prêmio em 2006, 2007 e 2008. Marta,  que nesta temporada conquistou o título norte-americano pelo Los Angeles Sol e a primeira edição feminina da Copa Libertadores pelo Santos, disputava a honra de ser a melhor jogadora de futebol do planeta pela sexta vez consecutiva.  “Estou muito feliz por ter ganhado pela primeira vez quatro vezes consecutivas e (por) uma mulher ter conseguido esse título”, afirmou. “É um título individual, mas pra mim é coletivo”, declarou. “Espero que não para mim particularmente, mas para o futebol feminino de modo geral, que seja um incentivo e que cada dia mais essa modalidade possa crescer”.

Campanha contra a anistia dos torturadores lança petição on line

Foi lançada, pela Associação Juízes para a Democracia em parceria com outras entidades e membros da sociedade civil, a Campanha Contra a Anistia dos Torturadores que praticaram crimes durante o período da ditadura militar brasileira e atuaram com autorização, apoio ou consentimento do Estado.A Campanha procura impossibilitar a anistia de agentes do Estado, pessoas ou grupos de pessoas acusados de crimes de tortura, assassinatos e desaparecimentos forçados. Mais informações acesse www.ajd.org.br/contraanistia_port.php.

CEBs do setor Pereira Barreto encerram novena de Natal

Comunidades participam da missa

“Gente simples, fazendo coisas pequenas em lugares pouco importantes consegue mudanças extraordinárias”.

Foi com este provérbio africano, vindo direto de Porto Velho-RO, do 12° Intereclesial das CEBs, que nós, CEBs e Grupos de Rua do Setor Pereira Barreto, nos reunimos em 11/12, na paróquia Nossa Sra. de Fátima – Vila Bonilha, para celebrar o encerramento da Novena de Natal em nossas comunidades. A missa foi presidida por dom Angélico Bernadino Sândalo, bispo emérito de Blumenau e co-celebrada por dom Servílio Conti, imc, bispo emérito de Boa Vista – RR, e pelos padres Edmílson Gongaza, pároco de Nossa Sra. de Fátima e Jaime C. Patias, imc, diretor da revista Missões, da Região Episcopal Santana.

Mais de 150 pessoas das oito paróquias e suas comunidades, que compõem o setor, participaram da missa. Trouxeram consigo símbolos e camisetas que marcaram a caminhada de suas comunidades e grupos de rua, trouxeram também o desejo de em 2010, atuarem mais em conjunto, como Igreja Missionária em unidade. Importante registrar a presença de membros do Setor Nova Esperança, em especial Serginho, Ana Cristina e Gisele que animaram a liturgia com os cantos. Participaram da missa também membros da Comissão Regional das CEBs.

Presépio de Moçambique

Esta missa foi o primeiro passo visível da rearticulação, que nós, do Setor Pereira Barreto assumimos, desde nossa participação no 12° Intereclesial da CEBs, em julho de 2009, em Porto Velho-RO. O meu, o nosso compromisso para 2010 é caminhar mais unidos, com o pé fincado na realidade do povo, realidade que necessita de uma formação cristã, pastoral, cidadã. Usando a comunicação como instrumento de evangelização, aprendendo a cuidar do meio-ambiente, a lidar e caminhar com a juventude.

Para começar bem o ano, vamos refletir com toda a Região Brasilândia, a Campanha da Fraternidade-2010, com o tema “Economia e Vida”. Será um dia de formação, em 25/01, ainda sem local confirmado. Já no dia 13/02 teremos outro encontro do setor para acertar o calendário de atividades, de formação e a equipe de “coordenadores/comunicadores” das CEBs do Setor Pereira Barreto.

Na tarefa de registrar e dar visibilidade às atividades das CEBs da Região Brasilândia, sempre usei a 3° pessoa, contudo, hoje utilizo este texto, para agradecer aos padres do setor Pereira Barreto pela acolhida e mais uma vez pedir o apoio e a presença de vocês em nossas atividade, os padres são exemplos e estimulam a caminhada das comunidades. Ao padre José Renato, assessor regional e arquidiocesano das CEBs, o meu obrigada pelo voto de confiança, pela aposta e pelo carinho.

Nós, aqui do setor, bem como as milhares de comunidades por todo o Brasil, somos “Gente simples, fazendo coisas pequenas em lugares pouco importantes” e desejamos conseguir mudanças extraordinárias”. Os sonhos continuam, as lutas se renovam e o próprio Cristo, vem nos visitar na noite de Natal, iluminando-nos para 2010.

Feliz Natal!
beijo carinhoso
Karla Maria

Mais dois vereadores são cassados em São Paulo

O Tribunal  Regional Eleitoral (TRE) de São Paulo divulgou hoje (18) a cassação de mais dois vereadores de São Paulo por recebimento ilícito de recursos. São eles:  Jooji Hato (PMDB) e Paulo Jesus Frange (PTB). Em outubro deste ano, o juiz Aloisio Sérgio Rezende Silveira, da 1ª Zona Eleitoral, já havia determinado a cassação de outros 14 vereadores pelo mesmo motivo.

Jooji Hato

Hato recebeu doações irregulares da Associação Imobiliária Brasileira (AIB) e da Empresa Industrial e Técnica (EIT), que totalizaram 27,8% dos recursos arrecadados em sua campanha de 2008, valor que supera orientação da legislação eleitoral.

Paulo Frange

Já o vereador Paulo Frange foi cassado por ter recebido – da mesma AIB – 35,86% do total que arrecadou em sua campanha política em 2008.

Os vereadores terão o prazo até 11 de janeiro para recorrerem da decisão de primeira instância ao TRE.

Ainda que ambos recorram e possam continuar exercendo sua função legislativa, creio ser de suma importância, nós eleitores conhecermos o rosto de cada um destes, que não tiveram  conduta para nos representar. O resultado nas urnas é reflexo, daquilos que sabemos de nossos candidatos, portanto, registrem estes nomes e os dos 13 vereadores já cassados este ano. Veja matéria.

Convoco os titãs para uma “reflexão”…

Fontes: Tribunal  Regional Eleitoral, Agência Brasil

Câmara-SP corta verba contra enchentes em Orçamento

Rogério Cassimiro/UOL | Jd. Romano alagado

São Paulo – Votado em segunda discussão menos de quatro horas após ser apresentado aos líderes de bancada, a terceira versão do Orçamento de São Paulo para 2010 veio com uma redução de R$ 70,4 milhões na verba destinada à canalização de córregos, de R$ 30 milhões na coleta de lixo e de R$ 1 milhão para obras em áreas de risco.

O corte de R$ 1 bilhão feito de última hora pelo relator Milton Leite (DEM), contudo, não afetou os R$ 126 milhões reservados para a publicidade oficial da gestão do prefeito Gilberto Kassab (DEM) e a verba recorde da própria Câmara, fixada em R$ 399 milhões, um crescimento de 29% para o ano eleitoral, em relação aos recursos gastos deste ano (R$ 310,3 milhões). Os montantes destinados às áreas de Saúde e de Educação não sofreram reduções na nova peça, estimada em R$ 27,897 bilhões, valor inferior ao apresentado nas duas propostas anteriores, de R$ 28,1 bilhões (original do Executivo) e de R$ 28,8 bilhões (primeiro substitutivo).

No texto substitutivo votado em primeira discussão na semana passada, em meio às chuvas que inundaram a cidade, tinham sido reservados R$ 141,9 milhões somente para a canalização de córregos. Nessa peça substitutiva, a verba para o combate às enchentes atingia a marca inédita de R$ 400 milhões. O novo relatório apresentado ontem à tarde e votado em plenário em segunda discussão, com o apoio de 42 dos 55 vereadores, porém, reduziu a reserva para a rubrica da canalização de córregos para R$ 71,3 milhões. A reserva para obras em áreas de risco caiu de R$ 20,6 milhões para R$ 19,6 milhões.

As mudanças feitas pelo Legislativo na previsão de investimentos teriam sido motivadas por um erro do relator do Orçamento, Milton Leite (DEM), segundo colegas da base governista. Leite ontem argumentou que o equívoco foi do ex-secretário de Planejamento, Manuelito Magalhães, tucano que deixou o governo no início do mês, insatisfeito com o aumento do IPTU proposto pelo governo. O relator, aliado do prefeito, declarou que a saída teria sido provocada pelo fato de Magalhães ter superestimado as receitas com impostos e com a cessão da conta da Prefeitura para o Banco do Brasil. O governo nega a versão do parlamentar.

Sensibilidade

No plenário, apenas as bancadas do PT e do PCdoB e o vereador Cláudio Fonseca colocaram objeções aos remanejamentos feitos do Orçamento. “É muita falta de respeito e de sensibilidade manter uma verba recorde para a publicidade e tirar dinheiro da canalização de córregos. Temos um bairro inteiro ainda alagado na zona leste e o prefeito tira verba do combate às enchentes”, atacou o petista Antonio Donato (PT).

Leite defendeu a verba destinada para a publicidade. “O prefeito precisa divulgar as ações emergenciais do governo, como o combate à dengue e a execução do Plano de Metas. Imprensa é um serviço caro”, argumentou.

Fenaj acusa imprensa de manter “pacto de silêncio” sobre a Confecom

Izabela Vasconcelos, de Brasília

O 1º vice-presidente da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) Celso Schröder, afirmou que a imprensa nacional ignora a 1ª Conferência Nacional de Comunicação (Confecom), que acontece até amanhã (17/12) em Brasília.“A imprensa se comporta como sempre se comportou, com um manto de invisibilidade, um pacto de silêncio. A comunicação é o tema menos discutido no Brasil. Isso é um paradoxo”, criticou o jornalista, que também é membro da Comissão Organizadora da Conferência.

Para Schröder, o pouco espaço para o tema se deve ao receio que a imprensa e as empresas de comunicação têm da regulamentação. “Eles ainda têm um pacto mais perverso, porque confundem e acreditam que a regulação limita a liberdade de expressão. Mas a liberdade de expressão não é um patrimônio dos jornalistas ou dos veículos de comunicação”, declarou.

Para cobrir a abertura do evento pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, se credenciaram mais de 300 jornalistas, mas atualmente o número não é o mesmo. A TV Bandeirantes e a Rede TV!, que são representadas pela Associação Brasileira de Radiodifusores (Abra), fazem cobertura do evento. A Folha de S. Paulo e O Estado de S. Paulo também abordam o tema. O restante da  cobertura acontece por veículos de menor abrangência nacional. A Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) também cobre a Confecom, com transmissões pela TV Brasil e NBR.

No dia 13/08, entidades patronais que representam veículos de comunicação, se retiraram do debate. A discussão foi deixada pela Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), Associação Brasileira de Internet (Abranet), Associação Brasileira de TVs por Assinatura (ABTA), Associação Nacional dos Editores de Revistas (Aner), Associação dos Jornais do Interior (Adjori) e Associação Nacional dos Jornais (ANJ), por discordarem de alguns pontos de regulamentação.

“Não consigo ver se é falta de inteligência para ver a importância da Conferência ou se é mesmo a intenção de sabotar o processo”, disse Schröder sobre as entidades patronais que estão fora do evento.

Afeganistão: Direitos das mulheres em perigo

Organização de direitos humanos norte-americana alerta para a situação das mulheres no Afeganistão. Estão em risco os direitos que conquistaram desde 2001.

Oito anos após a queda do regime talibã, as mulheres e jovens afegãs continuam a ser vítimas de violência e discriminação.  Num recente relatório, «Temos as promessas do mundo inteiro: os direitos das mulheres no Afeganistão», a organização Human Rights Watch (HRW) denuncia o acesso desigual aos serviços de saúde e educação. No estudo, a organização revela que os assassinos de várias mulheres – reconhecidas na sociedade afegã – continuam à solta. Aumenta assim o sentimento de impunidade em relação aos crimes contra as mulheres.

«A situação das mulheres e jovens afegãs é alarmante e pode piorar», assegura Rachel Reid, investigadora da HRW, no país. O mundo está atento à nova estratégia da administração Obama em matéria de segurança neste país. «É essencial assegurar que os direitos das mulheres e raparigas não permaneçam um simples desejo e sejam uma prioridade tanto dos governos, como dos doadores», defende.

Os direitos que conseguiram conquistar desde 2001, em matéria de educação, trabalho e liberdade estão em perigo – avança o relatório. As mulheres com visibilidade no país, activistas dos direitos humanos ou políticas, são frequentemente ameaçadas de morte e vivem temendo pela sua vida e da sua família. «As mulheres não são prioridade do nosso governo, nem da comunidade internacional», confiou Shinkai Karokhail, membro do parlamento, à organização. «Fomos esquecidas», lamenta.

Fonte: Fátima Missionária, de Cristina Santos.

“Onde não há utopia não há futuro”

9° Fórum Social Mundial

Desde Porto Velho – RO, no 12° Intereclesial de CEBs, assumi com a iniciativa, indicação e benção do padre José Renato a missão de reaticular as CEBs e Grupos de Rua do setor Pereira Barreto. Com o apoio e confiança dos padres do setor realizamos momentos de partilha da experiência que vivi por lá. Partilhei também os anseios, dúvidas, lutas e reflexões que as comunidades do nosso Brasil estão vivendo.

Para minha grata surpresa, percebi que nossas comunidades, do Oiapoque ao Chuí, são iguais. Guardados os “deliciosos” sotaques, a maneira de celebrar, a cultura local e a realidade econômica: somos todos povos de Deus, preocupados essencialmente em alimentar os irmãos com a Palavra de Deus e com o pão de cada dia. E como é bonito enxergar isso.

Como primeiro gesto deste “novo tempo”, de rearticulação no Setor vamos realizar,  hoje sexta-feira, (11/12), às 20h, na Par. Nossa Sra. de Fátima, a Missa de Encerramento da Novena de Natal das Comunidade e Grupos de Rua do Setor Pereira Barreto. Presidirá a missa dom Angélico Bernadino Sândalo, bispo emérito de Blumenau.

Nosso compromisso para 2010 é caminhar juntos, com o pé fincado na realidade do povo, realidade que envolve formação cristã, pastoral, cidadã, na área de comunicação, no cuidado com o meio-ambiente, com a juvetude, no cuidado com a vida em todos os sentidos. Para começar vamos refletir com toda a Região Brasilândia, sobre a CF-2010, com o tema:  “Economia e Vida”. Anote na sua agenda:

  • 30/01- Formação sobre a Campanha da Fraternidade (local ainda a ser definido)
  • 21/02 – Abertura da Campanha da Fraternidade 2010 (local ainda a ser definido)

Você que recebeu este e-mail certamente está envolvido, de uma forma ou de outra com a Caminhada da Igreja, com os Meios de Comunicação alternativos e/ou com os Movimentos Sociais. Portanto, está convidado a celebrar conosco este bonito e por que não, histórico momento no Setor Pereira Barreto. Estarei por lá, compareça!

A Par. Nossa Sra. de Fátima, fica na Av. Paula Ferreira, 1522 Vila Bonilha, São Paulo – SP. Ela faz parte do Setor Pereira Barreto, um dos setores que compõem a Região Episcopal Brasilândia, que por sua vez está localizada dentro da Arquidiocese de São Paulo.

“Onde não há utopia não há futuro”, Dom Pedro Casaldáliga
Karla Maria
Comissão de CEBs e Pascom- Região Episcopal Brasilândia
11 8831-8485
11 3978-5254
https://kmspagu.wordpress.com
http://cebsbrasilandia.blogspot.com